ENTREVISTA

Professor Heleno Araújo, presidente da CNTE, repercute regulamentação da educação domiciliar; ouça

O projeto prevê que um dos pais ou responsáveis deverá ter escolaridade de nível superior ou educação profissional tecnológica em curso reconhecido.

Foto:

A Câmara dos Deputados aprovou ontem o texto-base do projeto de lei que regulamenta a prática da educação domiciliar no Brasil, prevendo a obrigação do poder público de zelar pelo adequado desenvolvimento da aprendizagem do estudante. Conforme acordo entre a maior parte dos partidos, os destaques apresentados ao Projeto de Lei 3179/12 serão analisados pelo Plenário nesta quinta-feira (19).

De acordo com o substitutivo aprovado, da deputada Luisa Canziani (PSD-PR), para usufruir da educação domiciliar o estudante deve estar regularmente matriculado em instituição de ensino, que deverá acompanhar a evolução do aprendizado e um dos pais ou responsáveis deverá ter escolaridade de nível superior ou educação profissional tecnológica em curso reconhecido.

Para falar sobre o assunto, Jota Batista conversa no Espaço Aberto com o professor Heleno Araújo, Presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE).

Acesse o player abaixo e confira a entrevista na íntegra!
 

 

Veja também

Café e Saúde: mitos e verdades
CONEXÃO CAFÉ

Café e Saúde: mitos e verdades

Fogos de artifício no São João são um problema para autistas; ouça
CANAL SAÚDE

Fogos de artifício no São João são um problema para autistas; ouça