Saúde

Boa alimentação pode ajudar a prevenir o câncer de próstata

Ter uma alimentação equilibrada ajuda a proteger órgão masculino contra os efeitos do câncer

Tomate é item indispensável no cardápio de proteção à próstataTomate é item indispensável no cardápio de proteção à próstata - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

A campanha Novembro Azul reforça uma preocupação deixada de lado por muitos homens no Brasil. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INC), o tumor na próstata é o segundo mais comum entre o público masculina, com taxa de mortalidade ainda alta. Embora os motivos de o problema aparecer ainda sejam estudados pela classe médica, alguns comportamentos devem ser considerados, a exemplo dos descuidos na alimentação. 

 



Nesse quesito, alguns estudos mostram que as gorduras boas, também chamadas de insaturadas, encontradas em ingredientes como óleos de oliva e canola, sementes e até no abacate, exercem  efeito benéfico. “Aminoácidos essenciais, a exemplo dos vegetais verdes escuros, como brócolis e espinafre, elevam os níveis de testosterona e contêm compostos que ajudam a prevenir várias doenças, incluindo o câncer”, diz a nutricionista Hallina Hayalla. Na lista, o tomate e demais alimentos de casca vermelha possuem nesse pigmento um nutriente chamado licopeno, que tem a capacidade de neutralizar os radicais livres no corpo, através de ação antioxidante.

Para a nutricionista Fabiana França, vale ficar atento a que tipo de nutriente está sendo oferecido por determinado alimento. “Peixes como atum, sardinha e salmão são ricos em ômega 3 e ajudam a prevenir processos inflamatórios no corpo. Além do tomate, também temos goiaba, cenoura e melancia, que possuem licopeno. Tem ainda brócolis, repolho e couve-flor, com uma substância chamada sulforafano, que evita danos celulares”, explica. Com ação mais específica, soja e derivados, ervilhas e lentilhas contêm as isoflavonas, que participam do controle da testosterona, ajudando também no combate à doença, ainda segundo a nutricionista.

Mas tamanha preocupação perde sua força, quando ainda existe o consumo frequente Por outro lado, a recomendação é também amenizar o consumo de alimentos industrializados e seus ingredientes artificiais. Isso sem falar no sedentarismo, no consumo excessivo de álcool, na vida estressada e mesmo tabagismo. Isso sem falar na baixa ingestão de água, que deve atingir a média de dois litros, diariamente.

 

Veja também

Dia dos Pais: aprenda a fazer pavê de sonho de valsa
Receita

Dia dos Pais: aprenda a fazer um delicioso pavê de sonho de valsa e surpreenda

Confira sugestões de presentes gastrôs para o Dia dos Pais
Gastronomia

Confira sugestões de presentes gastrôs para o Dia dos Pais