Bodega do Barão completa quatro anos em plena forma, na Zona Norte

Bar do casal Larissa Trindade e Ramon Müller tem cardápio de boteco caprichado

Wesley Safadão comanda show beneficente no Teatro Guararapes, dia 27 de abril Wesley Safadão comanda show beneficente no Teatro Guararapes, dia 27 de abril  - Foto: Divulgação

Quem acompanha os reality shows vai lembrar do extinto “Hipertensão”, em que os participantes eram submetidos a provas de resistência e tinham limites físicos e psicológicos testados ao extremo. Não raro, nesse tipo de programa também sempre se formam casais, alguns duram menos que o deadline do programa, outros sobrevivem ao mundo “real”. E o que isso tem a ver com gastronomia? Em 2011, Larissa Andrade e Ramon Müller se conheceram no “Hiper”, apaixonaram-se, casaram e abriram um bar.


 Ela, pernambucana, ele, do Rio de Janeiro, comemoram hoje os quatro anos da movimentada Bodega do Barão, em Casa Forte. Conhecido pelo cardápio que reúne referências das botecagens local e carioca, o bar vai do pastelzinho quadrado de feijoada, uma deliciosa síntese de um dos pratos mais brasileiros que há, às travessas de carangueijo venerado por recifenses que, aliás, está sendo vendido a R$ 1,99 (unidade), em esquema de promoção.

Em nossa visita à ca­sa, foi o item mais pedido pe­las mesas vizinhas, com clientes que matavam o tem­po calmamente “debulhan­do” os bichanos servidos em água e sal ou ao coco. Não pode faltar também a coxinha de frango com queijo do reino, batizada de coxinha do barão (R$ 18,90 a porção com seis minicoxinhas), um dos petiscos mais solicitados pelos habitués.

Para marcar o aniversário do projeto gastronômico do casal que saiu da TV, Larissa incluiu uma receita de família levinha, boa dica para acompanhar cervejinha gelada. Uma clássica salada de bacalhau com batata inglesa, aqui chamada de vó chiquinha (R$ 25,90). A listinha de petiscos é boa, ainda inclui frango à passarinho, picanha, caldinho, camarão ao alho e óleo, lula empanada, costela de porco, arrumadinho de charque, tripa frita e sequinha, moela. A casa também vende pratos completos, que podem ser vendidos em meia dose.

 

Veja também

Tapioca florida é receita fácil para sair do comum
Receita

Tapioca florida é receita fácil para sair do comum

Aos 74 anos, morre Seu Yoshi, do Sushi Yoshi. Um chef que ensinou técnica e otimismo na gastronomia
Luto

Aos 74 anos, morre Seu Yoshi, do Sushi Yoshi- um chef que ensinou técnica e otimismo