Comida, comida e mais comida nas redes sociais

A cozinha virtual funciona a pleno vapor na pandemia

Márcia, do MM na Cozinha, faz sucesso com receitas práticasMárcia, do MM na Cozinha, faz sucesso com receitas práticas - Foto: Divulgação

Leia também

• MasterChef transforma provas para atender orientações da OMS

• No Irã, os homens assam um pão chamado "bênção"

Não precisa de estatística para saber que uma das principais atividades terapêuticas durante o isolamento imposto como medida preventiva contra o novo coronavírus foi cozinhar e comer - não necessariamente nessa ordem. Quantas pessoas, além de você (provavelmente) fizeram bolo, pão e risoto e se exibiram?

Nessa rede de arrasto que é o Instagram, principalmente, muitos cozinheiros profissionais e famosos, cozinheiros amadores e gente que não tem algum compromisso com a cozinha lotaram o feed com comida, foto de comida, passo a passo de receitas, degustações de vinho e cerveja, além de lives com especialistas no setor de alimentação. 

@MMNACOZINHA
Foi o caso de Márcia Carneiro que, na ‘vida real’, é procuradora concursada em Jaboatão dos Guararapes. Sempre cozinhou como hobbie e mantém o perfil “MM na Cozinha” no Instagram (@mmnacozinha) desde abril de 2020. Antes da pandemia, tinha 500 seguidores acompanhando as suas dicas, mas durante a quarentena a sua audiência subiu para 1500 pessoas. “Meu público alvo é gente que não tem muito tempo para cozinhar, mas quer comer bem e de forma prática”, diz Márcia. 

Numa conta rápida, MM contabilizou 97 receitas explicadas passo a passo de março para cá, além de dicas para cozinheiros de primeira viagem, como a que ensina a identificar se o ovo de galinha está bom para consumo: encha um copo com água e coloque o ovo, se ele afundar, está em bom estado, se boiar está impróprio para consumo, ou seja, estragado. Já no seu ranking de sucesso, as almôndegas, o risoto e empadão, ambos de camarão, são os pratos de maior visualização. 

E-book gratuito surgiu na quarentenaE-book gratuito com receitas para todas as ocasiões foi lançado por Rapha Vasconcellos na pandemia



@CHEFRAPHAVASCONCELLOS
Raphael Vasconcellos viu na crise uma oportunidade de se reinventar. Chef consultor de vários estabelecimentos locais, Vascon­cellos criou um e-book com 20 receitas gratuitas para ocasiões diver­sas, com link na sua conta no Instagram (@chefraphavascon­cellos). O profissional ensina empadinha de queijo do reino, a­tum selado, ragu de costela, moqueca baiana, polpettone, espaguete al mare, entre outras receitas. Só não arrasa na cozinha quem não quiser, é o lema da publicação on-line.

Raphael ainda criou o projeto “Em Casa”, em que se compra um jantar pilotado pelo chef através de live coletiva na plataforma Zoom. Ao comprar o jantar, o cliente recebe o kit de tudo o que será usado na refeição, sendo necessário apenas finalizar os pratos - entrada, principal e sobremesa -, seguindo os comandos do cozinheiro. 

A próxima experiência gastronômica privada já tem data marcada. Será no dia 18 de julho e custa R$ 300 o jantar pra duas pessoas, e inclui bag térmica, o menu completo (duas entradas, um principal e uma sobremesa), mais duas cervejas (Ekäut Munich Helles e Ekäut APA 1817) e uma garrafa de vinho Rosé Estandon Brise Marine Méditerranée 2018. Informações: 98190.9373.

@CHEFCESARSANTOS
O chef César Santos, comandante do restaurante Oficina do Sabor, na Cidade Alta de Olinda, foi um dos cozinheiros pernambucanos mais atuantes na produção de conteúdo culinário nas redes. Desde que foi decretado o fechamento do mercado de restaurantes (sem data para reabrir, até o fechamento dessa edição), César ensinou nada menos que mais de 100 receitas, que foram da tapioca à torta de batata inglesa com cogumelo. Mas o chef conta que o passo a passo do arroz de camarão é a receita de maior sucesso: teve nada menos que 7.640 visualizações. Houve posts no feed do chef com até oito mil curtidas. Irriquieto, César produziu 100 pratos no seu Instagram @chefcesarsantos, estão todos lá à disposição. 
 

Gi Nacarato turbinou o seu Instagram com pratos variados, como o bolo de amendoimGi Nacarato turbinou suas redes com receitas variadas: ensina de picles a bolo regional

@GI.NACARATO
Única pernambucana a participar da atual edição do reality Mestre do Sabor, na Globo, a chef Giovana Nacarato turbinou seu Instagram (@gi.nacarato) com vários vídeos de receita e lives com integrantes do programa do qual ela já não faz mais parte. O “livro de receitas” da cozinheira é eclético: tem picles, bolo de amendoim, tempurá e até brigadeiro de canjica. 
 

Chefs na Quarentena viralizou com desastres culinários
Chefs na Quarentena viralizou por causa dos desastres culinários 
 
@CHEFSNAQUARENTENA - O viral
Quem nunca riu da gafe alheia que atire a primeira pedra. E não é que um dos melhores perfis no Instagram dessa pandemia é justamente um que mistura humor com culinária? No dia 16 de abril, seis amigas brasileiras - cinco moram em São Paulo, uma na Espanha - criaram a conta Chefs na Quarentena para compartilhar os próprios fracassos culinários que o grupo trocava em mensagens de Whatsapp. “Nossa principal característica é o humor e sempre rimos de nós mesmas. Somos profissionais de áreas bem distintas, a maioria com filhos, mas que se reconhecem nas “aventuras” do dia a dia”, dizem as titulares do @chefsnaquarentena, que preferem ficar no anonimato. Em resumo, toda vez que uma delas errava feio, mandava mensagem e elas acabavam chorando... mas de rir. 

“Nunca podíamos imaginar tamanha repercussão. Em menos de três meses, e entre tantas receitas de bolo, pão e biscoito que saíram errado e muitas risadas, o perfil ganhou mais de 260 mil seguidores, ou melhor, 260 mil chefs na quarentena que agora dividem seus ‘sucessos’ diários na cozinha com a gente, complementam as instagramers especializadas em derrotas na cozinha. 
O negócio deu tão certo que hoje praticamente todo o conteúdo é enviado pela audiência querendo mostrar seus fracassos. Segundo as Chefs na Quarentena, o campeão de erro é o pudim, quem diria, mas mandam muito cookie e bolo de caneca. O perfil é do tipo imperdível e está entre os melhores humorísticos da pandemia. Instagram: @chefsnaquarentena.

 

Veja também

Aprenda a fazer um camarão flambado na cachaça
Almoço

Aprenda a fazer um camarão flambado na cachaça

Armazene frutas e verduras no lugar certo
Em casa

Armazene frutas e verduras no lugar certo