Expansão

Novo Outback em Pernambuco será no Shopping Tacaruna

Terceiro restaurante do grupo no Estado teve R$ 4 milhões de investimento

A terceira unidade do Outback em Pernambuco foi confirmada para o mês de agostoA terceira unidade do Outback em Pernambuco foi confirmada para o mês de agosto - Foto: Divulgação

Leia também

• Outback: versões salgada e doce do Fondue da marca voltam ao menu 

• Bolo de massa folhada é novidade na Sodiê Doces

A rede de restaurantes Outback Steakhouse está completando 25 anos de presença no Brasil, com desembarque da primeira unidade na cidade do Rio de Janeiro. A marca é conhecida por alguns pontos de contato onipresentes: a icônica cebola gigante empanada e frita, a costela de porco ribs on the barbie, o atendimento no estilo "olho no olho" (em que os atendentes se abaixam à altura do cliente para anotar pedidos e tirar dúvidas) e, como esquecer, das constantes filas de espera - que geralmente se formam em restaurantes "novidade" ou em casas ícone, independente do tempo de existência. É o caso do Outback.

Quanto a isso, aliás, o grupo elabora vem elaborando escapes para otimizar a "experiência em fila", como o pager e, mais recentemente, o agendamento online - via Instagram ou site, em que o cliente marca a hora da reserva. 

O Brasil e Pernambuco
Fundada por quatro amigos nos Estados Unidos há 35 anos, provavelmente eles não imaginaram que o Brasil, país ainda muito distante como mercado àquela época, visse a se tornar um dos mais estratégicos para o grupo em todo o mundo.

Enquanto que internamente, o estado de Pernambuco figura entre as 10 praças mais relevantes, considerando fluxo de clientes e vendas, tanto que vai ganhar uma terceira unidade entre os meses de agosto e setembro próximos, com capacidade para 174 pessoas. A informação foi confirmada pelo presidente do grupo Blooming´Brands, detentor das marcas Outback, Aussie Grill e Abbraccio, Pierre Berenstein, durante coletiva de imprensa com jornalistas de todo o País, em São Paulo.

O restaurante ocupará uma área de 483m² com o seguinte layout: 7 mesas de 2 lugares; 18 mesas de 4 lugares; 11 mesas de 6 lugares; 4 mesas altas de 4 lugares e 24 lugares no tradicional balcão de onde saem os chopes na caneca congelada. O plano de expansão da rede é até dezembro completar 16 inaugurações em praças consideradas promissoras. 

O Estado é mercado promissor
A nova unidade recebeu um investimento de R$ 4 milhões e vai gerar 60 postos de trabalho, além de ser estruturada com mais tecnologia nos processos de cozinha e uma estética um pouco diferente da que vemos nas suas irmãs mais velhas. A diretoria não dá detalhes, mas adianta que a nova cara do Outback é mais cool e divertida. 

Em tempo. O restaurante do RioMar Shopping é campeão em fluxo de clientes na região Nordeste. Os pernambucanos têm seus xodós quando vão ao Outback - obviamente, as clássicas ribs on the barbie e o big five boomerang. E, para surpresa da diretoria do grupo, a fondue também foi adotada como queridinha pelos recifenses. Por que um prato 'de inverno' faz tanto sucesso em terras tão quentes como a nossa? Ninguém explica. 

O "segredo" da cebola gigante
Quando se fala em Outback é praticamente impossível não lembrar da cebola gigante - a Bloomin' Onion, empanada e frita, que chega em formato de flor à mesa. Ocupa o pódio dos itens mais vendidos em todo o mundo, é quase um fetiche entre os consumidores. 

Durante visita da reportagem da FolhaPE a um dos restaurantes da rede, em São Paulo, foi possível acompanhar todo o preparo do petisco (confira nosso Reels logo abaixo) e desmistificar esse símbolo da culinária do Outback. Uma das curiosidades é justamente o tamanho da cebola.

De acordo com Pierre, as cebolas agigantadas são cultivadas no Chile e na Espanha por produtores que recebem as sementes do próprio Outback, como um procedimento de manutenção de padrão - a cebola precisa ter um diâmetro mínimo e apenas um coração.

Chegando à cozinha do Outback, elas são descascadas manualmente e cortadas em uma máquina que dá o formato das pétalas - esse procedimento aparentemente simples foi incorporado por um 'cliente inventor', que criou o aparelho e ofereceu como solção para otimizar o corte, que era feito manualmente. Adivinhem qual o nome da maquininha? GLÓRIA!

Já petalada, ela fica em uma solução de água e gelo por horas até ir para o preparo - empanamento com uma mistura de farinha de mandioca fininha temperada com uma combinação de temperos não revelada pelo time de criação, embebida em uma mitura à base de leite e condimentos, para, então, seguir para a fritadeira automatizada que sinaliza o tempo certo de retirá-la.

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Folha de Pernambuco (@folhape)



Sobre o Outback
O Outback Steakhouse possui 128 restaurantes no Brasil e está presente em 49 cidades, 16 estados brasileiros e no Distrito Federal. No mundo está em 23 países nas Américas, Ásia e Oceania. O primeiro restaurante no País foi inaugurado na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, em 1997. Apesar da inspiração vir da Austrália (esporte, pontos turísticos, paisagens icônicas, tradições e lazer), os fundadores são quatro amigos norte-americanos, da cidade de Tampa, na Flórida.

*A jornalista viajou a convite do grupo Bloomin Brands

 

Veja também

Restaurante na Zona Norte do Recife aposta em menu executivo
Gastronomia

Restaurante na Zona Norte do Recife aposta em menu executivo

Dia do Garçom: conheça histórias de profissionais antigos no Recife
Gastronomia

Dia do Garçom: conheça histórias de profissionais antigos no Recife