Coluna Movimento Econômico

Empresários provocam debate sobre infraestrutura 

Evento atualizará o setor produtivo sobre o que vem sendo feito pelo Governo de Pernambuco e pelo Governo Federal no setor

Aeroportos, portos, estradas , ferrovias e gás entram na pauta de debatesAeroportos, portos, estradas , ferrovias e gás entram na pauta de debates - Foto: Foto: Fraport/Divulgação

Com cinco empresas desclassificadas, o edital para elaboração do projeto básico/executivo do trecho pernambucano de 520 quilômetros da ferrovia Transnordestina segue gerando expectativas. Agora, restam quatro empresas a terem suas propostas avaliadas e a próxima será a TPF Engenharia, que ofertou R$ 20,6 milhões pelo serviço.

As desclassificações retardam o início das obras. Mas há um outro fator que preocupa os que estão na expectativa da ferrovia: o longo tempo para a entrega dos projetos, que é de 24 meses.

Para Bruno Veloso, presidente da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe), não se pode esperar dois anos para licitar as obras da ferrovia. Ele defende que a empresa vencedora (da licitação) entregue o projeto por partes e que a licitação das obras ocorra logo depois que os projetos destes trechos fiquem prontos. 

O tema é oportuno e deve ser debatido no próximo dia 17 de julho num evento promovido pela Associação Atitude Pernambuco e Fiepe. No evento, entram outros segmentos da infraestrutura no estado, como portos e gás, além da licitação para o Arco Metropolitano. 

O presidente do Atitude Pernambuco, o empresário Guilherme Ferreira Costa, destaca que o seminário traz a chance de “entendermos o que vem sendo feito pelo Governo de Pernambuco e pelo Governo Federal quando falamos em estradas, rodovias, gás natural, energia, além de portos e aeroportos”.

Também será uma oportunidade de o setor empresarial se posicionar sobre o tema, afinal, as deficiências repercutem diretamente nos negócios, elevando custos, que acabam afetando o preço final dos produtos.  Resumindo, se a infraestrutura é ruim, todos sentem no bolso.

Bruno Bittencourt, superintendente do Dnit em Pernambuco; Diogo Bezerra, secretário de Infraestrutura de Pernambuco; Felipe Valença, presidente das Copergás; João Paulo Neves Baptista Rodrigues, diretor de Relações Institucionais da Neoenergia; Márcio Guiot, presidente do Complexo Industrial Portuário de Suape, e Tânia Bacelar, economista da Ceplan serão palestrantes no seminário “Construindo caminhos para o desenvolvimento”. Ele será realizado no Auditório do Empresarial Rio Mar Trade Center 5, em Boa Viagem,  das 8h30 às 12h30. As inscrições são gratuitas e limitadas, podendo ser feitas pelo link bit.ly/seminario-atitudepe, até o dia 16, véspera do evento.


Energia

Tramita no Congresso dois Projetos de Lei que, se aprovados, vão elevar o custo da energia. O PL Nº 624, conhecido como PL das Eólica tem expectativa de elevar o custo com subsídio em R$ 3,9 bilhões. Já o PL Nº 11.247 geraria impacto superior a R$ 25 bilhões com subsídio e contratação de novas fontes de energia.
 
O poder do Esporte

Levantamento recente de VTrends, hub de pesquisa e insights da Vivo, para entender as expectativas e hábitos dos brasileiros em relação aos jogos em Paris, apontou que 80% dos respondentes acreditam que o esporte transforma a vida de atletas que vivem em situação de vulnerabilidade social. Além disso, 56% concordam que as competições são um bom momento para que atletas defendam políticas de inclusão (de gênero, orientação sexual, etnia etc).

Marcado de Saúde

O déficit de profissionais de saúde é um problema crônico nos EUA e vem levando alguns estados a inovarem para atrair estrangeiros. Depois do Tennessee facilitar a obtenção da licença em 2023, é a vez da Flórida anunciar o Live Healthy, pacote de ações com investimento de US$ 1,2 bilhão. Médicos estão entre os profissionais qualificados do Brasil que mais buscam o Green Card, lembra o advogado especialista em imigração Vinícius Bicalho.
 
 

Veja também

Reforma tributária impõe fim de créditos tributários às pequenas empresas 
Coluna Movimento Econômico

Reforma impõe fim de créditos tributários às pequenas empresas; entenda

Vício em jogos online gera impacto nas empresas
Coluna Movimento Econômico

Vício em jogos online gera impacto nas empresas

Newsletter