TECNOLOGIA

IA, bem-estar e modelos premium: entenda a estratégia da Samsung para celulares dobráveis

Gigante sul-coreana de tecnologia lançou ontem novos modelos turbinados com inteligência artificial

Galaxy Z Fold6 já está disponível para compraGalaxy Z Fold6 já está disponível para compra - Foto: Danielle Santana | Folha de Pernambuco

A Samsung Electronics vê a adição de recursos de IA como a chave para recuperar seu título de fabricante líder mundial de dobráveis - que perdeu para a Apple -, disse o chefe de dispositivos móveis TM Roh na véspera de revelar seus modelos mais recentes.

A empresa coreana que foi pioneira no segmento de dobráveis em 2019 organizou um evento de gala em Paris na quarta-feira para revelar seus novos produtos, o Galaxy Z Flip 6 de US$ 1.100 (cerca de R$ 5,9 mil) e o Galaxy Z Fold 6 de US$ 1.900 (cerca de R$ 10,2 mil). Ambos são as versões mais finas e mais leves de suas respectivas linhas, e ambos vêm com uma etiqueta de preço que é US$ 100 (R$ 541,48) mais alta.

 

O esforço da empresa para construir um ecossistema de produtos se inclina fortemente para a saúde e bem-estar, bem como os segmentos premium de cada categoria, com as estreias de destaque sendo o novo Galaxy Ring de US$ 400 (R$ 2.165,90) e o Galaxy Watch Ultra de US$ 650 (R$ 3.519,59).

Os novos telefones da Samsung adicionam uma série de novos recursos de inteligência artificial que , segundo Roh, ajudariam a diferenciar os produtos da empresa e aumentar as vendas. Entre eles está um intérprete automático que agora funciona com chamadas em aplicativos sociais como WhatsApp ou WeChat para permitir que as pessoas conversem em diferentes idiomas, estendendo a função introduzida pela primeira vez em chamadas telefônicas regulares com o Galaxy S24.

O pacote Galaxy AI da Samsung também se beneficia das ferramentas de IA do Google, que a unidade Alphabet Inc. está propagando no Android.

"Continuamos a trabalhar em estreita colaboração com o Google em nossos dispositivos Galaxy, porque eles são nosso parceiro mais forte", disse Roh, de 55 anos, em uma entrevista em Paris. Mas a Samsung está trabalhando com outros parceiros, como a Microsoft e seu software Copilot+ Windows, e está aberta a colaborar com startups de IA para atender às crescentes demandas dos consumidores nesse campo de tecnologia em rápido desenvolvimento, acrescentou.

Rick Osterloh, vice-presidente sênior de plataformas e dispositivos do Google, também reafirmou os planos da empresa de lançar uma plataforma de headset de realidade estendida com a Samsung. Roh disse separadamente no palco que o dispositivo XR da Samsung está "chegando este ano".

Roh buscou posicionar a Samsung como fornecedora de padrões e ecossistemas abertos, em contraste com a tecnologia de propriedade da Apple, e os novos aparelhos dobráveis Galaxy chegam apenas algumas semanas antes da estreia dos iPhones com os novos serviços de IA da Apple a bordo.

Mais desafiador no segmento dobrável, talvez, será a concorrência dos fabricantes chineses de dispositivos Android, que foram responsáveis por grande parte do crescimento na categoria no ano passado.

O executivo havia priorizado a entrada na China — o maior mercado de smartphones do mundo, onde a Samsung detém apenas uma pequena fração das vendas — e agora está buscando esse objetivo mirando o nível premium com produtos mais personalizados para o consumidor local.

"Para a IA chinesa do Galaxy, teremos cooperação estratégica com grandes empresas chinesas de TI", afirmou.

A Samsung adotou as ferramentas de IA da Baidu para seu lançamento do Galaxy S24 na China no início deste ano, substituindo o Google, cujo software não está disponível no país asiático. Roh se recusou a especificar com quais parceiros adicionais a Samsung pode estar trabalhando ou considerando, mas assentiu que a ligação com a Baidu continuará.

Veja também

Não entendeu o apagão cibernético? Reunimos aqui tudo o que você precisa saber sobre a pane global
MUNDO

Não entendeu o apagão cibernético? Reunimos aqui tudo o que você precisa saber sobre a pane global

Mega-Sena 2.751: sorteio do prêmio de R$ 53 milhões será neste sábado (20)
LOTERIA

Mega-Sena 2.751: sorteio do prêmio de R$ 53 milhões será neste sábado (20)

Newsletter