clima

Grécia registra o mês de junho mais quente em seis décadas

Cientistas afirmam que mudanças climáticas na Grécia tornam os fenômenos meteorológicos extremos, como as ondas de calor, mais frequentes, duradouras e intensas

Praia da GréciaPraia da Grécia - Foto: Spyros Bakalis / AFP

A Grécia registrou em 2024 o mês de junho mais quente desde 1960, segundo números divulgados nesta terça-feira (9), enquanto o país se prepara para uma temporada de ondas de calor e incêndios florestais.

A temperatura média na Grécia aumentou 2,5 graus Celsius entre 1960 e 2024, disse Kostas Lagouvardos, diretor de pesquisa do Observatório Nacional de Atenas.

“O mês de junho de 2024 foi caracterizado por longos períodos de temperaturas elevadas durante vários dias, excedendo amplamente as temperaturas sazonais normais em todo o país”, acrescentou.

Embora as temperaturas de junho na Grécia normalmente não excedam os 30-31°C, o país registrou este ano temperaturas de 35°C e uma onda de calor em meados de junho com temperaturas superiores a 40°C, disse Lagouvardos.

O porta-voz do governo grego, Pavlos Marinakis, disse esta semana que 1.281 incêndios foram registrados em junho, em comparação com 533 no mês anterior.

Os cientistas afirmam que as mudanças climáticas tornam os fenômenos meteorológicos extremos, como as ondas de calor, mais frequentes, duradouras e intensas.

Veja também

Caso Marielle: Moraes autoriza depoimento de Domingos Brazão e Rivaldo na Câmara
rio de janeiro

Caso Marielle: Moraes autoriza depoimento de Domingos Brazão e Rivaldo na Câmara

Lewandowski sobre atentado a Trump: aumento de armas em poder dos cidadãos desafia democracia
atentado

Lewandowski sobre atentado a Trump: aumento de armas em poder dos cidadãos desafia democracia

Newsletter