ALERGIAS

Alergias: como afetam o sistema respiratório?

As Alergias afetam 35% da população mundial, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS)

Foto: freepik.com

Para alertar sobre os cuidados com as alergias respiratórias como asma e rinite, na última segunda-feira (08) foi o Dia Mundial da Alergia. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 35% da população mundial sofre de doenças alérgicas respiratórias, sendo as mais comuns a asma, sinusite, rinite alérgica e a alveolite alérgica extrínseca.

A melhor forma de evitar crises alérgicas é manter um bom acompanhamento médico e fazer os tratamentos indicados. Manter o corticoide nasal, manter o corticoide inalatório, fazer o uso de antialérgico e manter o acompanhamento periódico é muito importante

Além disso, evitar contato com alguns agentes que possam agravar o estado alérgico do paciente também são imprescindíveis. É importante buscar primeiramente a prevenção com as vacinas apropriadas e além disso evitar fumaça, poeira, mofo, pólen lasca de madeira, entre outros.

Para falar sobre o assunto com mais detalhes, Jota Batista, âncora da Rádio Folha 96,7 FM, conversou com o pneumologista, Isaac Secundo.

 

Pneumologista, Isaac Secundo.`Foto: Divulgação


“Essa mudança de clima atrapalha bastante. Se você tá num clima que às vezes é abafado e de repente quando chega a noite essa temperatura cai, essa diferença de temperatura para quem sofre de doença inflamatória é importante, tanto a rinite inflamatória quanto a asma. Esse período de inverno e também tivemos recentemente o São João, que tem muita fumaça, então isso também prejudica muito esses pacientes principalmente idosos e crianças”
 


Ficou interessado no assunto? Ouça o podcast do Canal Saúde acessando o player abaixo.


 


 O especialista explicou as principais diferenças entre rinite e sinusite alérgica 

 
“A rinite ela vai acometer principalmente a região do nariz e dos cornetos, que você vai ter principalmente na região da frente da face, a sinusite vai ser a Inflamação dos seios nasais que são cavidades que a gente tem no crânio. E aí você tem a cavidade do seio maxilar, você tem o seio etmoidal e o seio frontal, então nessas regiões onde você vai ter dor. Então a rinite vai ser mais aquela coisa de você ter muito espirro, ter coceira no nariz e você vai ter coriza. E a dor, juntamente com esses sintomas é que vai caracterizar a sinusite que é a inflamação dos seios nasais”
 


 

Veja também

Férias no Museu: Instituto Ricardo Brennand tem agenda especial para a criançada
FÉRIAS

Férias no Museu: Instituto Ricardo Brennand tem agenda especial para a criançada

Festival de Humor do Clube de Comédia Recifense segue até o fim de julho
COMEDY

Festival de Humor do Clube de Comédia Recifense segue até o fim de julho

Newsletter