música

Ed Motta pede desculpas por comentário "grosseiro e desrespeitoso" sobre hip-hop: "errei feio"

Cantor, Ed Motta, havia dito em live nas redes que quem gostava do gênero era burro

Ed Motta gera mais uma polêmica após expressar sua opinião sobre quem escuta hip hopEd Motta gera mais uma polêmica após expressar sua opinião sobre quem escuta hip hop - Foto:

Leia também

• Ed Motta diz que ''quem ouve hip hop é burro'' e internet reage

• Ed Motta cancela turnê na Europa por problemas de saúde: 'Não pode realizar voos de longa distância'

O cantor Ed Motta usou suas redes sociais para pedir desculpas à comunidade do hip-hop, gênero sobre o qual teceu críticas duras recentemente. "Queria pedir desculpas pelo meu comportamento grosseiro e desrespeitoso sobre o movimento hip-hop", começou o artista. "Eu estava num live, e meus lives são caóticos, eu falo mal de um monte de coisa", continuou.

"Mas não justifica. Foi ruim. Deixei meus amigos tristes, amigos que fazem parte do movimento, e um monte de gente chateada comigo. Então peço perdão a vocês, eu errei feio", finalizou Ed Motta.

Veja o pronunciamento completo:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por edmotta (@edmotta)

"Quem ouve é burro"
No último dia 12 de junho, em uma de suas famosas lives no Instagram, nas quais costuma ficar bem à vontade, Ed Motta disse que quem ouvia hip hop é "burro". A fala do artista causou polêmica. "Qualquer um que ouve hip hop é burro, qualquer um, sem exceção", disse ele.

Muita gente criticou o músico depois de suas colocações. Leci Brandão, por exemplo, afirmou depois que "quem critica o hip hop é elitista". O DJ Gabriel do Borel também se posicionou: ""Como DJ e produtor musical, uso muitos elementos do hip hop e, com certeza, é muito triste ver brasileiros desqualificando o som do gueto".

 

Veja também

Atriz de 'Barrados no Baile' morre aos 53 anos: quando rastreio de câncer de mama deve começar?
luto

Atriz de 'Barrados no Baile' morre aos 53 anos: quando rastreio de câncer de mama deve começar?

'A amiga genial', de Elena Ferrante, é eleito o melhor livro do século, veja todos os 100
PREMIAÇÃO

'A amiga genial', de Elena Ferrante, é eleito o melhor livro do século, veja todos os 100

Newsletter